LAVANDERIA MEDINA

LAVANDERIA MEDINA

segunda-feira, 30 de março de 2015

Justiça suspende os direitos políticos da prefeita de Pilar do Sul e ainda aplica multa de R$ 330 mil

A juíza de Pilar do Sul, Karina Jemengovc Perez julgou o mérito da ação civil pública, impetrada pela promotora de justiça, Luciana de Fátima Carboni R. Abramovitch, que pediu nulidade das portarias que nomeou pessoas para ocupar 42 cargos em comissão na gestão atual da prefeita Janete Pedrina de Carvalho Paes (PSDB). A ação também solicitou punição contra a prefeita por violação aos princípios administrativos. 

A magistrada entendeu que a lei municipal 267/2013 elaborada e sancionada pela prefeita que deu origem as portarias de nomeação feriu os artigos 111, 115 e o artigo 144 da Constituição do Estado, porque os cargos ocupados por 42 servidores são de natureza técnica e burocrática, podendo ser preenchidos por meio de concurso público. 

Com base neste entendimento a magistrada decretou nulidade das portarias que nomeou os ocupantes dos cargos, e determinou que em 5 meses a prefeita deverá sanar essa situação realizando concurso público para preenchimento das vagas, se isto não acontecer a prefeita pagará multa diária no montante de R$ 1.000,00 (mil reais). 

A juíza ainda entendeu que Janete Pedrina de Carvalho também estrangulou o artigo 12 da lei 8.429/1992 cometendo violação aos princípios administrativos. Por causa dessa irregularidade a juíza condenou a prefeita Janete Pedrina a ficar 4 anos com os direitos políticos suspensos (não podendo concorrer a cargo eletivo) e multa de 30 vezes o salário que a prefeita recebia em julho de 2013: algo em torno de R$ 330 mil. 

As 42 pessoas que ocupavam os cargos já foram dispensadas em 22 de julho de 2014 por despacho de liminar. A magistrada de Pilar do Sul decidiu o mérito da chamada ação civil pública dos "cargos em comissão" no dia 24 de março de 2015. Cabe recurso no Tribunal-SP.

Aqui a notícia chega chegando.   

domingo, 29 de março de 2015

Polícia de Ibiúna prende indivíduo após encontrar algema, capuz e revólver na casa dele

Uma equipe de policiais militares efetuou patrulhamento pela Estrada da Terra Boa, no Bairro Verava, em Ibiúna, visando averiguar um Fusca de cor bege com placa de Cotia-SP suspeito de ser usado por ladrões para cometer roubos naquele município.

A polícia abordou o automóvel e averiguou o motorista e dois passageiros, todavia não encontrou ilícito com eles. Pesquisa informou registro de roubo por dois indivíduos, um deles aparentava muito nervoso, por causa dessa situação a polícia se dirigiu até à residência dele em Ibiúna e no interior da casa localizou algema, um capuz e um revólver calibre 38 sem numeração.  

O delegado titular de Ibiúna, José de Arruda Madureira Júnior prendeu o indivíduo Michael Alves de Almeida, como incurso no artigo 12 da lei 10.826/2003 ( flagrante por causa da agravante: numeração da arma suprimida). Os outros dois indivíduos foram liberados. O Fusca está apreendido por falta de licenciamento. O crime ocorreu no sábado à noite (28/03).

Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição.

Rapaz sofre tentativa de homicídio numa chácara de Piedade

Um homem sofreu tentativa de homicídio quando estava na "Chácara do Reinaldo" localizada no Bairro Santos e Paiol, zona rural de Piedade. Segundo informação da polícia, o pintor Diego Alex Ribeiro de 25 anos, sofreu lesões produzidas por golpes de faca: na omoplata direita (que forma articulação do ombro), na mão esquerda e na cabeça. 

Alguém levou a vitima ao pronto-atendimento da Santa Casa daquela cidade. Policiais militares ouviram a versão da vitima no hospital, o pintor Diego disse que desconhece o motivo da agressão, no entanto citou o prenome do suposto autor da tentativa de homicídio. O caso será investigado pela Polícia Civil. O fato aconteceu no final da noite de sábado (28/03).

Não dá para viver sem notícia. 

Dois traficantes surpreendidos com 24 quilos de maconha

A polícia flagrou dois homens com aproximadamente 24 quilos de maconha no sábado pela manhã (28/03). 

A equipe recebeu denúncia de que os indivíduos passariam pela Avenida General Carneiro, os policiais do Comando de Força Patrulha do 7º Batalhão da Polícia Militar (7º BPM-I) montaram campana pelas imediações e cercaram um Renault Clio, com placas de São Paulo, por volta das 10 horas.
 
O condutor acelerou e tentou fugir da viatura, porém foi perseguido pelos PMs e detido já no Jardim Magnólia. O passageiro conseguiu escapar a pé, mas foi capturado cerca de uma hora depois, num matagal.
 
Os entorpecentes, embalados em tabletes, foram localizados no banco traseiro do carro, já usado em golpes estelionato. Segundo o tenente Brandão, que comandou a operação, a droga foi adquirida com um traficante no Jardim Nova Esperança e seria revendida em Votorantim.
 
Ao ser indagado, o condutor, identificado como Peterson Cruz, 22 anos, confessou que os tabletes eram dele. O rapaz, que já havia sido preso por porte ilegal de armas, foi autuado por tráfico de drogas na delegacia do plantão sul. Em seguida, foi encaminhado ao sistema prisional. O passageiro, de 24, não possui antecedentes criminais e sua participação no crime ainda não havia sido confirmada. 
 
Reproduzida do Site Diário de Sorocaba

sábado, 28 de março de 2015

Denúncia de tráfico de drogas na Vila Bandeirantes, em Tatuí

Policiais militares detiveram dois homens e uma adolescente, porque localizaram no interior de um guarda roupa 30 gramas de crack e 80 gramas de maconha. O crime ocorreu sábado pela madrugada (28/03) numa casa da Rua Nelson Gianisella, Vila Bandeirantes, em Tatuí.

Os soldados Chiovitti e Gomes apreenderam as drogas e apresentaram o trio na delegacia daquela cidade. O delegado Emanuel dos Santos Françani ficou convencido que houve tráfico de drogas (artigo 33 da lei 11.343/2006) e recolheu os adultos em prisão.

O pernambucano Antonio Fernando Bernardino da Silva, 35 anos, morador da capital paulista e o paulista de Tatuí (local dos fatos) Samuel Antonio Vieira, 19 anos. A autoridade policial também providenciou medida legal por causa da conduta da adolescente L.F.V. de 16 anos. A polícia chegou ao trio depois que ouviu denúncia anônima.

Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição.

Tráfico de drogas está entre as metas principais da Polícia Civil-SP

Em visita a Sorocaba para informar novas políticas contra a criminalidade, o delegado-geral da Polícia Civil de São Paulo, Youssef Abou Chahin, disse que o combate ao tráfico de drogas está entre as metas principais que serão tomadas, aumentando o efetivo policial.

O delegado estava acompanhado do diretor do Departamento de Polícia Judiciária do Interior 7 (Deinter 7), José Aparecido Sanches Severo, disse que, atualmente, existe uma defasagem de policiais civis na região, mas que os concursos em andamento deverão trazer novos agentes para auxiliarem nas diligências desta natureza. Para tanto, a volta da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) não foi descartada como um dos planos que serão implantados. 

“Conversei com o dr. Severo sobre um plano específico de combate ao tráfico na região. Temos uma falta de policiais hoje, que será suprida agora no segundo semestre. Estamos contratando 2.200 novos policiais para o Estado e os concursos estão na fase final. Pretendemos fazer uma Dise forte, através de uma força tarefa com a DIG (Delegacia de Investigações Gerais)”.

Chahin ressaltou a importância da união entre as polícias Civil e Militar, e a atuação da Prefeitura na retirada de dependentes químicos das ruas. “O trabalho das instituições é necessário. Operações conjuntas entre a PM e a Polícia Civil podem ser feitas, mas, é claro, cada uma em sua função, sendo uma com a investigação e outra com o patrulhamento ostensivo nos bairros. A parceria com a Prefeitura, retirando os usuários das ruas e os colocando em clínicas, também se faz necessária. Se não tem usuário, não tem traficante.” 

Delegado-geral destacou a diminuição do número de homicídios na região abrangida pelo Deinter 7, que está em 0,6 casos para cada 100 mil habitantes, índice abaixo da média tolerada pela Organização das Nações Unidas, que é de 10 homicídios para cada 100 mil habitantes. 

Sobre o aumento dos roubos de veículos, disse que são casos sazonais e dependem da atividade social, como na época de volta às aulas. “Os roubos de veículos tiveram pouco aumento. Não vejo como uma epidemia, mas como algo sazonal. Na época da volta às aulas, os casos de furtos e roubos de veículos são comuns, pois é comum vermos as famílias levando os filhos às escolas. Esse incidente é uma briga que estamos comprando, principalmente aos desmanches clandestinos, onde esses veículos roubados ou furtados são destinados.” 

Chahin também disse que se reuniu o secretário de Segurança Pública, Alexandre de Moraes, e representantes da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), e discutiram soluções que podem impedir o ataque de criminosos a caixas eletrônicos. 

Segundo o delegado, a Febraban comprometeu-se a instalar em 100% dos caixas automáticos mecanismos que previnam os furtos, como emissores de fumaça e dispensadores de tintas para manchar e inutilizar as notas obtidas pelos criminosos. Estes mecanismos, chamados tecnicamente de “ofendículos”, também incluem a adoção de placas especiais que dificultam o arrombamento e a afixação de explosivos pelos criminosos.

“A polícia prendeu várias quadrilhas. Em fevereiro do ano passado, foram 67 casos no Estado; já neste ano foram 21. Essa diminuição é só eficiência da polícia? Não. Na semana passada mesmo recuperamos 14 toneladas de dinamites pelo Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic). 

Eu participei de uma reunião com a Febraban para analisar recursos que inibam a atuação dos criminosos. Vendo que eles não podem levar as notas, depois de danificadas, a ação será em vão. Vários bancos estão aderindo às novas determinações e a conscientização deve partir de todos os estabelecimentos financeiros.” 

Reproduzida do Site Diário de Sorocaba.

Homem ataca ex-amásia em Sarapuí e termina no chilindró

O delegado de Sarapuí, Agnaldo Nogueira Ramos mandou ao chilindró um indivíduo acusado de agredir sua ex-amásia V.A.O de 38 anos. O crime aconteceu no final da manhã de sexta-feira (27/03), em frente à residência da ex-amásia situada na Avenida Benedito Vieira do Amaral, Vila São João, em Sarapuí.

Sydney Pedro Batista teria discutido com sua ex-amásia em seguida lançado um tijolo contra o pé da ex-companheira, não se contentando com essas atitudes ele ainda disferiu soco no rosto da mulher que provocou hematoma num olho. Após as agressões, Sydney se dirigiu para sua residência. 

Uma equipe de policiais militares formada por cabo Neves e cabo Alex foi até à casa do indivíduo e o  deteve. O delegado ratificou flagrante de lesão corporal tipificada como violência doméstica (lei 11.340/2009) e mandou recolher o indivíduo na prisão. Ele seria encaminhado para um CDP daquela região.

Não dá para viver sem notícia.  

Bando do tráfico é capturado pela PM de Sorocaba

Policiais militares detiveram oito pessoas sob acusação de envolvimento com o tráfico de drogas: cinco adolescentes e três adultos, Gabriel Custódio Tobias de 27 anos, Bruno Batista Rodriguez de 21 anos e Roberval Felipe Barbosa de 20 anos.

A polícia localizou e apreendeu 135 gramas de cocaína, 627 gramas de crack e mais 1.692 kg de maconha (um quilo seiscentos e noventa e duas gramas de maconha). A autoridade policial registrou ato infracional por tráfico de drogas e liberou os menores. 

Os adultos estão presos por cometer tráfico de drogas (artigo 33 da lei 11.343/2006). O caso ocorreu na quinta-feira pela manhã (26/03). A equipe policial chegou aos acusados no Bairro Lopes de Oliveira, em Sorocaba, após ouvir denúncia.

Não dá para viver sem notícia. 

sexta-feira, 27 de março de 2015

Rapaz sofre esmagamento da perna esquerda após acidente na estrada entre Pilar do Sul e Sarapuí

O ajudante geral Luiz Carlos Ferreira de 39 anos, residente no Bairro Campo Grande, em Pilar do Sul, sofreu acidente ao trafegar com sua motocicleta CG Titan de cor vermelha, pelo km 05 da estrada vicinal José de Almeida Rosa, que liga Pilar do Sul à Sarapuí.

Um automóvel não identificado colidiu com a motocicleta, o motorista do automóvel não socorreu o motoqueiro e fugiu do local. 

Populares levaram o motoqueiro ao pronto-atendimento da Santa Casa de Pilar do Sul. A vitima sofreu esmagamento da perna esquerda, situação que gerou necessidade de remoção urgente ao pronto-socorro do Hospital Regional de Sorocaba. O fato aconteceu na quinta-feira à noite (26/03).

O segredo da credibilidade é ser fiel ao fato.   

Quarteto do tráfico é flagrado no Parque Laranjeiras, em Sorocaba

Na quinta-feira à noite (26/03) a Guarda Civil deteve Isaias Francisco da Silva, 33 anos, Lucas Adriano Procópio, 18 anos, outro jovem Caio Vitor Santos Vitório de 19 anos e um adolescente de 13 anos, eles foram flagrados manipulando entorpecentes em uma residência do Parque Laranjeiras para posterior  distribuição e venda no Bairro Nova Esperança, em Sorocaba.

Durante patrulhamento de rotina nas proximidades da Oficina do Saber do Parque Laranjeiras, a equipe da Ronda Municipal ao transitar  pela Rua Willian Canavan, suspeitou de um indivíduo em comportamento estranho em frente ao portão de uma residência, que ao notar a aproximação da viatura para abordagem correu pelo corredor avisando os ocupantes da casa em voz alta sobre a chegada dos guardas. 

Os agentes seguiram o individuo sendo abordado na entrada da cozinha e em seu interior outros dois homens e um adolescente sentados à mesa embalando drogas. Sobre a referida mesa foram encontrados 175 porções de crack, um tijolo da mesma substância pesando aproximadamente  900 gramas, 02 porções de maconha, além de facas, colheres, pratos, balança de precisão e outros utensílio na manipulação da droga. 

Ao serem indagados, Isaías assumiu ser o morador da residência e que havia contratados os demais para auxiliá-lo na manipulação e embalagem da droga em troca de R$ 50 Reais e dez porções de Crack para cada um. Declarou também que foi morador do Bairro Nova Esperança e que o entorpecente ali preparado serviria para abastecer outros traficante desse bairro. 

Todos foram conduzidos ao Plantão Policial Norte e apresentado os fatos à autoridade onde os três adultos foram autuados em flagrante por tráfico de drogas (artigo 33 da lei 11.343/2006) e recolhidos ao Centro de Detenção provisória de Sorocaba. O adolescente foi autuado por ato infracional no mesmo artigo e liberado aos cuidados do responsável.

Não dá para viver sem notícia.

Jovem é acusado de tráfico de droga no Bairro Ana Paula Eleutério, em Sorocaba

O jovem Adriano Oliveira Norberto de 19 anos, circulava em uma motocicleta pelo Bairro Ana Paula Eleutério, em Sorocaba, quando policiais militares suspeitaram que ele era vendedor de droga. 

Ao perceber que a guarnição pretendia lhe averiguar, o motoqueiro tentou evitar que fosse averiguado, mas a polícia interceptou a motocicleta.

Segundo acusação da polícia, Adriano Oliveira estava com 162 gramas de crack e a quantia de R$ 200,00, dinheiro supostamente arrecadado com venda  de droga. A equipe policial apresentou o rapaz e o veículo na Delegacia. A moto está irregular. 

A autoridade policial ratificou flagrante de tráfico de droga (artigo 33 da lei 11.343/2006) e mandou recolher o jovem na prisão. O fato aconteceu no início da madrugada de quinta-feira (26/03).

O segredo da credibilidade é ser fiel ao fato.

Desfecho do Crime - Rapaz que agiu para tentar matar guardas civis de Sorocaba é condenado no júri

No início da noite de 27 de agosto de 2012, guardas civis realizavam operação para inibir o tráfico de drogas na Avenida Ulisses Guimães, no Parque das Laranjeiras, em Sorocaba, dois indivíduos ocupando uma motocicleta passaram pelo local e o rapaz que estava na garupa disparou vários tiros visando atingir os guardas.

O guarda Marcos Gilberto Scudeler se abrigou numa viatura não sendo alvejado, um tiro atingiu o tornozelo esquerdo do outro guarda, Robson César Bonvino. Após os disparos ambos fugiram na moto CG Titan de cor escura. Outra equipe realizou diligência e conseguiu deter um suspeito, que foi reconhecido pelas vitimas. 

Segundo apuração da polícia, o lavador de autos Edivan da Silva Gomes de 19 anos (idade da época) era o condutor da moto e o pintor Robson Cristiano Ferreira de 25 anos (idade da época) o autor dos tiros com uma pistola 380. 

Após o flagrante em Edivan, posteriormente a polícia também prendeu Robson Cristiano; ambos moradores no bairro onde o fato aconteceu. Alguém do tráfico deliberou atacar os guardas por causa da operação no bairro que visava inibir venda de drogas. O pagamento seria R$ 500,00 e uma motocicleta.

Julgamento

Inquirido em plenário pela juíza Adriana Tayano F. Furukawa, diferente da postura na polícia e na primeira fase do processo, Edivan assumiu coautoria dos delitos. O promotor de justiça Eduardo Francisco dos Santos Júnior iniciou o discurso de acusação na quinta-feira (26/03), afirmando que sua opinião é que seja punido com rigor da lei qualquer indivíduo que atenta contra à vida de alguém que esteja investido de autoridade do Estado. 

O promotor acusou Edivan de cometer coautoria de duas tentativas de homicídio duplamente qualificadas (artigo 121, parágrafo 2º inciso I e IV, combinado com artigo 14, ambos do Código Penal), no entanto elencou que o caso tem natureza de concurso formal (uma conduta delituosa produziu dois resultados) circunstancia que tecnicamente não eleva tanto a pena (explico depois). 

O advogado  Augusto Marcelo Braga da Silveira comungou com a tese do promotor (tese única). Os jurados decidiram pela condenação e a magistrada impôs condenação por 7 anos, em regime inicial fechado. 

A juíza compensou a confissão espontânea pelas duas qualificadoras, reconheceu primariedade do réu e aplicou pena de 6 anos pela tentativa de homicídio contra o guarda Robson Bonvino, com relação ao crime contra o guarda Marcos Scudeler a magistrada impôs condenação por 4 anos, e acrescentou 1/6 (um sexto) nos 6 anos, resultando em condenação por 7 anos (concurso formal); se fosse concurso material seria somado 6 anos, mais 4 anos, pena maior. Edivan está preso em Americana, interior de São Paulo, o outro acusado o pintor Robson Cristiano foi julgado em 2014 e também vai cumprir condenação por 7 anos.

Quem comete crime está sujeito a pão de angústia e água de amargura.

quinta-feira, 26 de março de 2015

Adolescente do tráfico é flagrado com 300 porções de drogas em Sorocaba

A Força Tática flagrou e apreendeu um adolescente de 16 anos com mais de 300 porções de drogas, durante uma operação comandada por policiais do 3º pelotão da Força Tática no Parque Vitória Régia, em Sorocaba, na terça-feira pela manhã (24/03). 
 
A equipe formada pelo subtenente Rosa, cabo Gabriel e cabo Bizar flagrou o adolescente pela Rua Chico Xavier, na altura do número 707. 

Com ele, localizaram 111 porções de maconha, 60 de cocaína e outras 140 de maconha, R$ 10 em dinheiro e um celular. O total de drogas apreendidas chegou a 311 porções. Além da apreensão houve autuação ao menor infrator por tráfico no Plantão Norte e liberado aos responsáveis.

Reproduzida do Site Diário de Sorocaba. 

Bando que roubava joias é preso em Itapetininga

Agentes da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Itapetininga prenderam uma quadrilha que roubava joias e metais preciosos na cidade, na segunda-feira (23/03). Foram cumpridos 14 mandados de busca e apreensão, com nove pessoas detidas, entre elas dois adolescentes e o chefe do grupo, Maycon Rodrigues de Arruda.
 
De acordo com o delegado Victor Hugo Siqueira, as investigações iniciaram com base em várias ocorrências similares. A partir daí, a polícia descobriu que Arruda trabalhava como ourives e atendia a diversos clientes. Assim, passou a ter informações privilegiadas sobre as casas das vítimas e a planejar os roubos.
 
Ele escalava os integrantes do grupo para invadir os imóveis, ameaçar os familiares e roubar a maior quantidade de joias e metais que pudessem, como ouro e prata. Após os assaltos, os criminosos entregavam os objetos a Arruda. O delegado suspeita de que o acusado fundia as peças e depois as vendia pelo peso ou forma como foram subtraídas. 
 
Após três meses de diligências, a polícia descobriu a localização de Arruda, bem como a dos demais membros da quadrilha, que também tinha relação com o tráfico de drogas. Durante as apreensões, que ocorreram nos bairros Alambari, Gramados e Centro, foram aprendidas 56 pedras de crack, 47 de maconha, 72 pinos de cocaína e 373 microtubos vazios, além de diversas joias e uma quantia em dinheiro ainda não contabilizada pela polícia. Somente com um adolescente, foram apreendidas três peças de prata. 
 
Todos os envolvidos foram levados à DIG de Itapetininga, onde prestaram depoimentos. Quatro deles foram encaminhados à cadeia de Capão Bonito; outros dois ao Centro de Detenção Provisória de Capela do Alto; e os menores, à Fundação Casa de São Paulo. Eles responderão aos crimes de associação criminosa, roubo e tráfico de drogas. A polícia continua investigando mais envolvidos nos crimes.

Reproduzida do Site Diário de Sorocaba.

São Paulo registra redução de latrocínios e queda nos roubos de veículos

O Estado de São Paulo reduziu todos os índices relacionados a crimes patrimoniais, com acentuada diminuição nos crimes praticados com violência ou grave ameaça à pessoa. O roubo de veículos, pelo nono mês consecutivo, diminuiu em 27,32%, com redução de 2.443 crimes. No ano, o recuo já atinge 23%.

Também apresentou queda o índice de roubo a cargas (3,00%), cujas ocorrências diminuíram de 733 para 711. A diminuição levou o total acumulado de roubo a cargas em 2015 a diminuir em 0,73% mesmo com a alta registrada em janeiro.

Com quatro boletins de ocorrência a menos que em fevereiro de 2014, o mês passado baixou em 19,1% os roubos a banco, que passaram de 21 para 17 casos. No bimestre, já há recuo de 15%, com 34 casos, seis a menos que o mesmo período do ano passado.

Pelo segundo mês consecutivo, também houve importante redução dos índices de roubos em geral, excluídos roubo de veículos em 5,54% no mês de fevereiro, com a diminuição de 1.401 ocorrências. A redução é maior do que a observada em janeiro (4,1%) e o ano já acumula uma diminuição de 4,8% nessas ocorrências.

Os furtos em geral e de veículos sofreram redução. Com 5.947 registros a menos que em fevereiro de 2014, os furtos em geral recuaram 14,1% no segundo mês do ano. O total passou de 42.071 para 36.124 registros, o menor número desde 2002, quando houve 35.999 casos. 

Com essa redução, 2015 já registra redução de 14,7% desse indicador, com 13.245 boletins de ocorrência a menos. Os furtos de veículos diminuíram 12,6%, passando de 10.255 para 8.966, com 1.289 registros a menos.

Proteção à vida

Os latrocínios continuam caindo no Estado, pela quarta vez consecutiva. Em fevereiro, o índice baixou 39,4%, passando de 33 para 20 – ou seja, 13 ocorrências a menos.

Para a série histórica do mês, a quantidade é a menor desde 2010, quando foram registrados 18 casos em fevereiro. No ano, a queda dos roubos seguidos de morte representa 22,4%, sendo que o bimestre registrou 52 casos, 15 a menos que os primeiros meses de 2014.

Como no mês passado, a taxa dos últimos 12 meses – março de 2014 a fevereiro de 2015 –, pela segunda vez na série história, ficou abaixo do limite apontado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que é de 10 mortes a cada 100 mil habitantes. O índice foi de 9,86 casos a cada grupo de 100 mil residentes em São Paulo.

Em fevereiro, o índice de homicídios dolosos se manteve estável. O indicador ficou nas mesmas 330 ocorrências do ano passado – o menor total para a série histórica do mês de fevereiro; acumulando a queda de 6,5% entre janeiro e fevereiro comparados com o primeiro bimestre do ano passado. 

O total de casos passou de 752 para 703, com redução de 49 mortes intencionais.
Os estupros caíram 19,3% em fevereiro, com 722 registros. Esse crime caiu em 21 dos últimos 22 meses. Em fevereiro do ano passado, foram 895 ocorrências. O acumulado de 2015 indica redução de 14,4% nesse tipo de crime.

No segundo mês de 2015, não houve extorsões mediante sequestro no Estado – é a primeira vez, desde o início da série histórica, que esse tipo de crime fica zerado em fevereiro. No mesmo período do ano anterior, houve duas ocorrências. No ano, o indicador foi reduzido de cinco para quatro registros.

Reproduzida do Site da Secretaria da Segurança Pública.

quarta-feira, 25 de março de 2015

Dois quilos de maconha apreendidos e o traficante preso no Bairro Brigadeiro Tobias, em Sorocaba

José Benedito
No final da noite de terça-feira (24/03), policiais da Força Tática surpreenderam um indivíduo com dois tijolos de maconha (2 kg) no Bairro Brigadeiro Tobias, em Sorocaba. 

A equipe policial apreendeu a droga e em seguida apresentou o indivíduo José Benedito de Paula Martins Jr, na Delegacia Seccional de Polícia situada na Avenida General Carneiro. O homem está preso sob acusação de tráfico de droga (artigo 33 da lei 11.343/2006).

Não dá para viver sem notícia. 

Indivíduo tenta matar vizinha com golpe de pá em Salto de Pirapora; um traficante foi visitar o homicida na Delegacia e também estar preso

Lavrador Camargo
Bianca Ângela da Conceição de 30 anos, permitiu seu vizinho Naithio Suelber de Camargo, 20 anos, instalar um "gato de energia elétrica" da casa dela para à casa dele no Bairro Piraporinha de Cima, em Salto de Pirapora.

A mulher resolveu desligar o gato de energia elétrica na quarta-feira (25/03), no início da tarde. Ao saber que o gato de energia estava desligado o lavrador Camargo ficou nervoso e desferiu um golpe com uma pá na cabeça da vizinha Bianca. O esposo da mulher interveio; o agressor desistiu de matá-la e saiu correndo. 

A mulher foi levada ao pronto-atendimento da Santa Casa da cidade, onde foi atendida. Uma equipe de policiais militares foi até a residência da mãe do acusado no Bairro Piraporinha e o prendeu. Ao saber que o lavrador Camargo estava preso na Delegacia da cidade, um amigo dele foi visitá-lo.

Ewerton Kenedy França de Araújo, apelidado de "Nego" não sabia que existia um mandado de prisão preventiva contra ele por causa do seu envolvimento com o tráfico de drogas. Os policiais reconheceram Ewerton na Delegacia e o prendeu.
Ewerton Kenedy


Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição. 


Resolução da Secretaria da Segurança-SP visa mais eficácia na apuração de mortes violentas de agentes de segurança

O secretário da Segurança Pública-SP, Alexandre de Moraes, publica na quarta-feira (25/03) uma resolução para disciplinar o procedimento a ser adotado nas hipóteses de homicídio consumado de policiais civis, militares, integrantes da Polícia Técnico-Científica, agentes penitenciários, guardas civis municipais e agentes da Fundação CASA, no exercício da função ou em decorrência dela, e nas mortes decorrentes de intervenção policial, estando ou não o agente em serviço. O objetivo é garantir mais eficácia nas investigações desses casos.

A partir da publicação da norma, os policiais que primeiro atenderem a ocorrência deverão preservar o local até a chegada do delegado de polícia e a realização da perícia. Também deverão ser imediatamente comunicados o Comandante do Batalhão da área, a Delegacia Geral de Polícia e a Superintendência da Polícia Técnico-Científica, além da Corregedoria à qual pertence o policial autor ou vítima do homicídio. O Ministério Público também será imediatamente comunicado da ocorrência, para que, se entender cabível, determine o comparecimento de um Promotor de Justiça.

Todas essas ocorrências, bem como os inquéritos policiais e procedimentos instaurados no âmbito das Corregedorias das Polícias Civil e Militar, deverão ser comunicados imediatamente ao Conselho Integrado de Planejamento e Gestão Estratégica da Secretaria da Segurança Pública (CIPGE), que realizará o acompanhamento. 

O CIPGE, integrado pelo secretário de Segurança e os chefes das polícias, dentre outros, foi criado em 23 de janeiro de 2015 para coordenar as ações policiais e integrar os sistemas de inteligência das polícias, além de propor medidas para controle da letalidade policial.

A Resolução ainda determina que, nas hipóteses de morte decorrente de intervenção policial, sempre será realizada a autópsia. Os laudos necessários deverão ser elaborados no prazo máximo de 10 dias. As Corregedorias terão o prazo máximo de 60 dias para conclusão das apurações administrativas, prorrogáveis por igual período, mediante fundamentação e pedido ao Secretário da Segurança Pública.

Combate aos crimes contra policiais

Em fevereiro, o governador Geraldo Alckmin e o secretário da Segurança Pública reuniram-se com o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha, para apresentar quatro novos projetos de lei, dentre eles um que prevê o endurecimento das penas de quem comete crimes contra policiais ou outros agentes de segurança pública. 

O texto prevê o agravamento das penas em até 50% do que é determinado hoje. A medida visa reduzir casos de assassinatos de policiais. “Não é possível que haja esse total desrespeito às forças de segurança”, diz o secretário Alexandre de Moraes. “Nenhum país desenvolvido admite isso e nós também não vamos admitir.”

Reproduzida do Site da Secretaria da Segurança Pública.

Polícia Civil de Salto de Pirapora "derruba a casa" de dois acusados de degolar um homem em 2013.

Regina
Policiais civis cumpriram mandado de prisão preventiva na quarta-feira pela manhã (25/03), e levaram ao chilindró uma mulher acusada de participar da execução de José Roberto de Moraes, mais conhecido por "Nenezinho", que morreu ao ser degolado em 2013 no Bairro Campo Largo, em Salto de Pirapora.

A captura de Regina Célia Almeida de Oliveira, 29 anos, ocorreu na casa dela, no Bairro Campo Largo, em Salto de Pirapora. Segundo informação da polícia, José Roberto era usuário de droga e teria furtado ferramentas do traficante Ignácio Honorato Taverna, 34 anos. Regina que também vendia drogas para o traficante Ignácio, soube da autoria do furto e falou ao Ignácio que José Roberto havia furtado suas ferramentas.
Ignácio
 


Regina e Ignácio se ajustaram com um adolescente da mesma cidade e degolaram José Roberto, no Bairro Campo Largo, depois deixaram o corpo no Bairro Piraporão, no mesmo município. Naquele mesmo ano, a polícia prendeu Ignácio sob acusação de tráfico de drogas. 

Ignácio continua preso por tráfico e também vai responder pelo homicídio. Após ser apresentada na Delegacia de Salto de Pirapora, no início da manhã de quarta-feira a polícia encaminhou Regina para uma prisão feminina da região. 

Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição.

Polícia Civil de Salto de Pirapora prende ladrão de supermercado

Claudinei Romualdo
No início da manhã de quarta-feira (25/03) a Polícia Civil prendeu o jovem Claudinei Romualdo de Almeida Filho, 18 anos, apelidado de "Sio". 

Ele é acusado de assaltar o "Supermercado Paula e Souza", situado no Bairro Campo Largo, em Salto de Pirapora; crime cometido em 01 de janeiro de 2015, em companhia de um adolescente que já está apreendido na Fundação Casa (extinta FEBEM).

A polícia prendeu Claudinei Romualdo (mandado de prisão preventiva) na casa dele, situada no Bairro Madalena, em Salto de Pirapora, no momento da ação policial ele não estava armado e não apresentou resistência. 

Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição.